Gramado Summit anuncia bandeira sustentável e firma parceria com a Greenpeace

Evento de inovação sediado na Serra Gaúcha anuncia ações ecológicas para a edição de 2020

Crescer e, ao mesmo tempo, preocupar-se com os impactos ambientais. Pensando no futuro do planeta, a Gramado Summit (conferência de inovação e tecnologia da Serra Gaúcha) uniu-se à Greenpeace para tornar a edição de 2020 o mais sustentável possível. O evento ocorre nos dias 5, 6 e 7 de agosto, em Gramado, e deverá reunir 8 mil pessoas por dia. 

Com crescimento de 300% comparado à primeira edição, a Gramado Summit entendeu que é necessário expandir as frentes, mas prestar atenção nos impactos deixados ao meio ambiente. Por receber 8 mil participantes e por ter cerca de 200 empresas na feira de negócios, o evento encontrou a necessidade de criar ações para revolucionar pequenos hábitos e não impactar negativamente o ecossistema. Com apoio da Greenpeace - umas das principais ONG’s com foco ambiental do planeta -, o evento promoverá atividades de conscientização. 

Algumas dessas ações buscam incentivar o uso de transporte coletivo entre os participantes, contratar mão de obra e fornecedores locais, utilizar materiais recicláveis para a sinalização, imprimir com tinta atóxica os displays, não distribuir impressos durante o evento, realizar a limpeza com produtos ecológicos, utilizar talheres, pratos e copos biodegradáveis ou laváveis nas áreas de alimentação, fazer a separação e coleta do lixo, gerar energia a partir de atividade física dos participantes e reciclar os lixos produzidos durante o evento. 

“Cada uma dessas pequenas ações gera um grande impacto no meio ambiente. Se conscientizarmos as oito mil pessoas durante o evento, certamente elas irão repensar seus hábitos no cotidiano também. A iniciativa pensa no impacto do evento, mas vai muito além dos três dias”, explica o CEO da Gramado Summit, Marcus Rossi.

Feito com  em Gramado
2019 ©Todos os direitos reservados